Mídia

Fazenda ELGE faz pista limpa com touros Lemgruber

Guta Alonso ofertou exemplares PO avaliados pelo programa Geneplus, da Embrapa Gado de Corte, e no PMGZ, da ABCZ

Por: Gualberto Vita

A selecionadora Guta Alonso fechou espaço na grade de programação do canal Terraviva para promover o “5º Leilão Virtual Nelore Lemgruber Mato Grosso do Sul – Fazenda ELGE”.

As ofertas do criatório com sede em Dois Irmãos do Buriti, MS, envolveram exclusivamente touros PO melhoradores da geração 2017, prontos para o serviço a campo. Registrando liquidez total, a movimentação financeira atingiu R$ 1,6 milhão.

Os 34 investidores da noite de 8 de junho, localizados nos estados de GO, MT, MS, MG, PA, SP e TO, foram responsáveis pela aquisição de 114 reprodutores Nelore da consagrada linhagem Lemgruber, incluindo lotes individuais, duplos, triplos e baterias.

A média geral bateu em R$ 14.900. Na relação de troca por boi gordo, o valor é equivalente a 81,8@ para pagamento à vista em Campo Grande (R$ 182/@), segundo informações da Scot Consultoria.

Todos os exemplares saíram avaliados pelo programa Geneplus, da Embrapa Gado de Corte, e pelo Programa de Melhoramento Genético de Zebuínos (PMGZ), da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ). O criatório sul-mato-grossense conta também com sêmen de touros à disposição em centrais.

A Fazenda ELGE se dedica à criação do Nelore da linhagem Lemgruber desde 1997, quando seu fundador, o saudoso Ricardo Augusto Alonso, iniciou uma franquia selecionando animais em parceria com a Fazenda Mundo Novo, do pecuarista Eduardo Penteado Cardoso.

Desde então, o objetivo da seleção é produzir reprodutores avaliados geneticamente e que atendam à demanda do mercado por animais eficientes em características como adaptabilidade, fertilidade, docilidade e peso.

As captações dos lances em estúdio para pagamentos fixados em 30 parcelas foram comandadas pelo leiloeiro rural Adriano Barbosa. A organização foi da Estância Bahia Leilões, com retransmissão pelo aplicativo EBL WEB.

Fonte: Portal DBO